Coletei o sangue de cordão umbilical do meu primeiro filho, devo fazer o mesmo para o meu próximo filho?

Bolsa-de-sangue-1200x797.jpeg

Sim, eu aconselho que faça coleta do segundo filho.Minha opinião é baseado em algumas evidências científicas:

1. A tendência mundial na área de transplante de células-tronco é a utilização da própria célula-tronco do indivíduo(autólogo), pois é uma terapia em que não é necessário utilizar altas doses de imunossupressores que eleva a mortalidade do procedimento. São realizados, por ano, 30.000 transplantes autólogos e 15.000 transplantes alogênicos (de um indivíduo para outro).

2. Na área de engenharia de tecidos, todos os trabalhos que participo no Hospital das Clínicas da FMUSP, que inclui a colocação tópica de células-tronco no coração (INCOR) e na medula espinhal (Instituto de Ortopedia), usam a própria célula-tronco do indivíduo devido o risco de rejeição.

3. Na leucemia mielóide aguda, doença em que a evolução é dramática, é possível a utilização do sangue do irmão para obtenção de um efeito anti-leucemia bastante potente. É interessante ressaltar que a resposta deste tipo de transplante é muito melhor quando usamos o sangue de cordão compatível da própria família (irmão) do que provindo de fonte pública (banco público de cordão).

4. Em virtude do número limitado de células-tronco contido no sangue de cordão umbilical, principalmente quando o paciente possui peso superior a 50 Kg, a literatura têm avaliado a possibilidade de utilizar dois produtos coletados compatíveis (habitualmente familiares) num único transplante. Jamais o aconselhamento de coleta de múltiplos filhos é feito no meu serviço de forma sentimental ou ilógica, abomino algumas colocações comerciais, como: “a chance de usar o cordão é de 1 para cada dois indivíduos, você imagina com dois filhos!!!…” “se fez para o primeiro filho deve ser feito para o segundo, o segundo sempre é um coitado…” “se o primeiro ficar doente, a chance do segundo é altíssima…” Assim, termino declarando que a chance de dois filhos necessitarem do próprio sangue de cordão umbilical é muito baixa, mas nós nunca sabemos qual deles irá necessitar inicialmente.


Deixe um comentário

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios *